Consultas de rotina: quando agendar?

Temos que conversar. Por que tem criança que ainda não faz consulta de rotina com o pediatra? No plantão, são muitos os pais que perguntam se o filho está com peso normal para a idade, se estão no tamanho certo. A resposta é: Não sei.

Quem deve te responder esta pergunta é o pediatra que acompanha seu filho! E o pior é que não sei mesmo! Isso tudo é muito relativo. Tem criança pequena que está normal para a idade, pois o crescimento anterior está adequado, segue um ritmo regular. Outras, do mesmo tamanho, não. São pequenas porque pararam de crescer nos últimos 3 meses. Como vou saber numa consulta de emergência? Não dá. Mas, se você não agenda consultas regulares com um pediatra, aí… O que que eu te digo pra ti? hehehe
Por isso as crianças devem fazer consultas de rotina. Pesar, medir, registrar tudo isso na caderneta de saúde, conversar com o pediatra sobre o desenvolvimento, sobre as vacinas, sobre a alimentação. Tirar dúvidas, criar vínculo, ter alguém de confiança para dividir as angústias que vão aparecer durante a vida da criança.
Sabemos que é “cômodo” ir à emergência a qualquer hora do dia para consultar, sem precisar agendar consulta. Mas temos que ser conscientes e usar os serviços com da melhor forma possível, para que possamos garantir consultas de qualidade para as crianças.
Então, vai a dica: na gestação, a mãe deve procurar um pediatra para tirar as primeiras dúvidas, saber como se preparar para a chegada do bebê, essas coisas… De preferência no último trimestre de gestação. Após o nascimento, entre 7 e 10 dias é importantíssimo uma consulta agendada. Programe-se!
A segunda consulta deverá ser feita com 30 dias de vida, e depois disso a cada mês, até 1 ano. Depois de 1 ano, a criança poderá fazer uma consulta a cada 3 meses. Quando completar 3 anos, as consultas podem ser semestrais. E depois de 7 anos, as consultas poderão ser agendadas 1 vez por ano. Assim, você terá um pediatra que conhecerá muito bem o seu filho, aumentando as chances de sucesso a cada tratamento.
Se for necessário, você tentará agendar consulta com o seu pediatra. Na impossibilidade, procure a emergência. Dependendo do problema, após as consultas de emergência, você pode agendar uma consulta com seu pediatra para acompanhamento, para que ele saiba o que aconteceu e te oriente com mais tempo e da melhor forma possível se há necessidade de exames complementares ou tratamentos para prevenção de novos problemas.
Procure o serviço de emergência quando necessário, e não por comodismo. Isso garantirá um atendimento de qualidade para seu filho.

5 comentários sobre “Consultas de rotina: quando agendar?

  1. Tenta marcar uma consulta com pediatra dizendo que você é gestante sem a secretária tirar sarro da sua cara! Só falta falar “marcar consulta para tirar dúvidas antes do bebê nascer? Ta maluca?” Hoje mesmo liguei em uma clínica e ouvi “Não fazemos isso. Ligue final de fevereiro para agendar” Eu:”Vocês não tem como marcar este ano para o ano que vem?” “Não temos nem agenda!”

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s