Ainda sobre o desprendimento…

Nascemos marionete. E já no momento de nossa primeira apresentação, temos um dos cordões cortado! Agora temos que nos alimentar, temos que respirar sozinhos! A comida vem à nossa boca, mas temos que deglutir, temos que chorar para pedir.

Logo, nossos braços e pernas tornam-se mais ativos, pedalam no ar, buscam objetos que estão próximos. Aos poucos vamos percebendo que temos controle sobre eles. Observamos atentamente os dedos se moverem, abrirem e fecharem, até percebermos realmente como funcionam. E quando os cordões que movimentam nossos membros parecem nos atrapalhar, eles são cortados!

Pouco tempos depois, cordões e mais cordões vão se desprendendo do nosso corpo. Um cordãozinho amarrado na cabeça ajuda-nos a sentar, a levantar. Chegamos a achar que estamos com total controle! Mas nossos pais brincam de soltar este cordão para ver a gente cair e se levantar… Mais uma vez, e outra… Até que conseguimos permanecer em pé realmente sozinhos. Que alegria! Menos um cordão!

Nossos pais vão nos soltando aos poucos, assim que percebem que temos condições de copiá-los, de agir como eles agem. Se os agradamos e mostramos que somos capazes, vamos sendo liberados dessa condição de marionete.

Pais que percebem de perto a evolução de seus filhos, sabem exatamente o momento de cortar os vínculos desnecessários, relacionados ao controle e proteção. Não se prendem às suas marionetes e também não as largam por aí antes que elas aprendam os movimentos necessários para seguirem libertas.

Mas não se preocupem! Sempre que esta tarefa é feita com maestria e amor, um cordão imaginário unirá essa criança, agora adulto, eternamente aos seus pais.

Bom final de semana!

 

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s